Diamantes e Caviar

Diamantes são, certamente, o desejo máximo de 10 entre 10 mulheres. O são, também, para os homens que almejam o poder simbólico que eles trazem quando podem comprá-los e presenteá-los às suas garotas!
Mas, debaixo da superfície de luxo, exclusividade e glamour, os diamantes trazem uma longa história de perversidades mimetizadas em cada quilate, em cada face lapidada. Cada gota de suor e sangue, cada metro de chão aberto e esfolado, cada árvore derrubada e mata desvirginada contribui, com a própria existência, para o brilho da pedra do desejo.

Com o caviar não é muito diferente.

O esturjão, fadado à extinção, tem comprometido cada um dos seus possíveis filhotes e sucessores existenciais à sucumbência fugas carregada pelas torradinhas quentes das festas vip’s.

É fácil fazer um drama e arrebatar os apaixonados defensores da vida e da natureza que encontram-se sempre à espera do próximo chamado!

O chamado não existe. O chamado não será feito.

Diamantes e caviar expressam o que todos, que admitem ou não, querem ser e querem possuir. Esse é o programa que vem sendo instalado em cada indivíduo social, em cada ser humano.
A perversidade da obtenção do prazer e o custo imposto àquilo que nos rodeia é, propositadamente, desprezado e diminuído para que a roda siga girando, para que a culpa não se instale. Alguns se questionam de tempos em tempos, outros mergulham de cabeça e sem culpa – simplesmente vivem a vida como ela se apresenta, sem questionamentos.

Pensar pesa, mas bonifica.

Cada diamante tirado do solo e cada esturjão morto para que suas ovas sejam transformadas no manjar dos deuses – ainda que, antigamente, fosse comida de porcos – testemunha o que somos. Não nos é dada uma escolha, ou melhor, nos é dada apenas uma, que é a que temos.
O mundo é um indivíduo e deve ser o indivíduo que decide seu presente. Não adianta pensar no futuro, não adianta considerar o passado: é tudo uma ilusão.
Ter um olhar consciente, uma visão desapegada, te dá lucidez pra seguir adiante, comprar um anel de diamantes para a sua amada, enquanto saboreia uma torrada quentinha coberta com o autêntico caviar beluga!
Desfrutem da vida!
Beijos,
nvs